RFID: um caso de uso em mineração

0
169

Uma empresa com soluções em RFID, a American Barcode and RFID (AB&R), foi procurada por uma multinacional de mineração com um escopo amplo de ativos dispersos geograficamente e reservas importantes de recursos naturais (cobre, ouro, molibdênio).

O sistema atual e seus desafios

Em uma das minas gerenciadas pela empresa de mineração, caminhões eram carregados com o material retirado e viajavam para deixá-lo para trituração em duas possíveis localizações de despejo. Um sistema de comunicação sem fio registrava a passagem dos veículos quando por uma dada localização.

O principal problema com o sistema em uso tinha a ver com a incerteza sobre o local em que cada material era despejado. Isso porque o sistema não mapeava o despejo da carga e sim a passagem do caminhão pelo local. Ou seja, se um dado caminhão passou pelo site A e, por algum motivo, teve que se dirigir para o site B, onde efetivamente realizou o despejo, o sistema registraria o site A como o local em que a carga foi deixada. Essa era uma situação frequente: muitas vezes, ao chegar a um dado site, o motorista do caminhão recebia instruções para seguir para outra localidade.

Com o propósito de análise posterior do material processado, a empresa fotografava as ações de despejo. No entanto, o sistema não contava com mecanismo automático que permitisse associar as fotografias a uma dada carga.

O grande desafio, então, era saber que caminhão despejou o quê, em que local. A imprecisão dos dados obtidos com o sistema instalado era inaceitável para um negócio envolvendo um volume tão significativo de recursos envolvidos.

Solução recomendada

Depois de testes no ambiente em que a tecnologia seria usada, a AB&R propôs um sistema baseado em etiquetas passivas de RFID para rastrear as atividades dos caminhões que realizavam o percurso entre a mina e os locais de despejo. O sistema seria constituído por leitores, etiquetas passivas, antenas e suportes para montagem, sinais de iluminação e hardware para transmitir sinais para uma câmera.

Estratégia de implantação

Para efeitos de teste e aperfeiçoamento do sistema, a solução foi implementada em uma escala limitada. As responsabilidades da AB&R na fase de implementação do processo incluíram:

  • Configurar e instalar leitores de RFID.
  • Aplicar etiquetas de RFID.
  • Desenvolver e configurar o software customizado complementar.
  • Instalar o software.
  • Treinar os empregados do cliente.

O cliente colaborou no planejamento, estando presente nos estágios de implementação e atendendo a todos os requisitos de hardware e software definidos.

Sistema complementar de software

O sistema recomendado para a empresa foi o RFID Listening Service Application da AB&R – um produto suportado pelo SQL Server/Microsoft que transforma mensagens dos leitores de RFID em informações quantificáveis, permanentes, para armazenamento na base de dados. Esse software pode reunir informações de até vinte leitores de RFID em uma base de dados, cada leitor podendo ser identificado individualmente.

O software foi complementado pelo ABC Scan, uma interface gráfica do usuário (GUI) de front-end customizável, capaz de fornecer um ambiente amigável de interação com a base de dados. Ao trabalhar com os resultados provenientes da base de dados, o ABC Scan permite modos diversos de visualização e fornece funcionalidades para geração de relatórios, queries, filtros e seleções.

O novo sistema permitia ao cliente cadastrar novos ativos, modificar os números de RFID e as informações registradas e designar novos números de RFID. Era capaz, também, de importar e exportar dados com facilidade.

Implementação

A implementação do novo sistema foi composta pelas seguintes etapas:

  • Instalação do software RFID Listening Service Application
    • Instalação da base de dados no SQL Server central.
    • Inclusão de um conjunto formatado de dados de ativos na base de dados para realização de testes.
  • Instalação física do leitor de RFID em uma das localizações de despejo
    • Instalação e ajustes no leitor.
    • Fornecimento de um sinal digital a partir do leitor.

As responsabilidades do cliente na preparação da fase de implementação incluíram:

  • Assegurar que um administrador de sistema estivesse presente no dia da implementação.
  • Garantir a disponibilidade de um servidor com software atualizado.
  • Prover um local indoor para montagem dos leitores de RFID.
  • Anexar as etiquetas de RFID de modo similar nos caminhões, utilizando suportes de montagem reforçados.

Depois que os principais estágios de implementação estavam prontos, a AB&R trabalhou com o cliente, conduzindo testes e aperfeiçoando o sistema dentro da escala definida de implementação.

Benefícios: um desafio e uma solução

O cliente tinha dificuldades com a coleta de informações e a análise do material em processamento. Depois de implementar o sistema de RFID em uma de suas minas, foi possível saber em que local de despejo o material estava sendo descarregado. Cada despejo realizado pode ser relacionado a uma fotografia específica, permitindo uma análise mais acurada dos materiais processados no local.

Lições extraídas

  • Relevância de definir claramente o problema a ser enfrentado
  • Testar antes, em pequena escala
  • Importância de comprometer o cliente no processo de implementação da solução
  • Considerar todos os elementos envolvidos: etiquetas, software, hardware
  • Definir métricas e mensurar os ganhos com a nova solução
  • Compreender e avaliar os impactos da nova solução no ecossistema existente

Glossário

RFID (Identificação por Radiofrequência) é uma tecnologia que utiliza campos eletromagnéticos de radiofrequência para transferir informações de uma etiqueta para um leitor de RFID, para fins de identificação e localização de um dado item (pessoa, objeto, planta, animal). Algumas etiquetas têm sua própria fonte de alimentação. Outras não requerem bateria. Derivam energia do campo eletromagnético gerado a partir do leitor. As etiquetas de RFID também podem ser utilizadas como sensor (RFID as a sensor), fornecendo dados e informações sobre as condições do item identificado.

RFID é parte do conjunto de tecnologias conhecidas como AIDC – Automatic  Identification and Data Capture e é um meio rápido e confiável de identificar um dado objeto.

Fonte: Fonte: Patrick Mahony – Case Study: Problem Solving with Passive RFID.

Ler também:

RFID e alguns de seus vários casos de uso

- Publicidade -
Innovation Hunter

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here